Press

Corga da Chã wines became widely known in 2007 when they participated for the first time in the CVRVV contest where they were awarded the Verde Gold and Verde Silver prizes. You can find below some articles and news about Corga da Chã that appeared in the media.



A Hora de Baco - RTPN



Revista de Vinhos

"Corga da Chã (Arinto 2008) - As notas limonadas combinam-se com sugestões florais que lhe dão carácter e frescura. Tem bom volume na boca, uma acidez viva mas bem composta. Um vinho bem proporcionado e que dá uma boa prova.

Corga da Chã (Trajadura 2008) - A fruta citrina marca o compasso do aroma com ligeira sensação tropical. Na boca mostra-nos uma acidez bem elevada, sugestões de ananás, corpo bastante para equilibrar o conjunto. Um branco de Verão, perfeito para a mesa."

ler artigo completo



Revista Bahia Sur

"No momento em que escrevo esta crónica chega-me o Corga de Chã 2008. Aí está uma grande obra do énologo de renome Jorge de Sousa Pinto. Floral, muito floral e fresco. Alcança-se a plenitude da casta Trajadura. Um excelente vinho para os dias quentes que aí se avizinham."

ler artigo completo



Revista FUGAS (Jornal Público)

"Os seus aromas revelam secura, com sugestões de ananás e manga. Um bom equilíbrio na boca, com sensações vivas e irreverentes que o tornam apetecível. Merecedor de atenção é também o seu razoavelmente longo final de boca. Um vinho Verde moderno pela complexidade aromática, mas que mantém o trunfo principal desta região: uma acidez que o torna bom de beber, principalmente nos dias quentes que se avizinham."

ler artigo completo



Revista MAXMEN

"Corga da Chã (Arinto 2008) - Flores e limão predominam nos aromas deste vinho fresco, mas que enche bem a boca. Acidez está cá mas não perturba, porque está harmonioso.

Corga da Chã (Trajadura 2008) - Cheira a citrinos mas mostra ainda alguns aromas tropicais. Bela frescura na boca, com um toque de ananás,e final bem desenvolvido. Belo vinho."

ler artigo completo



Revista FUGAS (Jornal Público)

"Este Corga da Chã apresenta uma bela cor limão e revela aromas sugestivos de banana e manga. Na boca é muito fresco, envolvente, persistente e distingue-se por um belo equilíbrio entre a componente da fruta e a acidez.
Recomendado para acompanhar peixes grelhados ou, ainda mais, para saborear o fim de tarde de um dia quente de Verão."

ler artigo completo



Revista NÉCTAR

"OS VINHOS CORGA DA CHÃ, PREMIADOS NO CONCURSO DA CVRVV, FORAM APRESENTADOS NUM JANTAR QUE REUNIU TODA A FAMÍLIA RESPONSÁVEL PELA SUA PRODUÇÃO E IMPRENSA ESPECIALIZADA NUM CONVÍVIO AGRADÁVEL.
A EMPRESA produtora de vinhos verdes Corga da Chã apresentou, num jantar de convívio realizado no Porto, os vinhos premiados no concurso promovido pela Comissão de Vitivinicultura da Região dos Vinhos Verdes..."

ler artigo completo



Novas do Vale do Sousa

"...cerimónia de apresentação dos Vinhos Verdes "Corga da Chã", realizada no Restaurante Aquário Marisqueira, na cidade do Porto
Para além dos autarcas paivenses, nesta jornada de degustação do "Corga da Chã", que foi a grande revelação do último concurso da Comissão de Viticultura da Região dos Vinhos Verdes - CVRVV, estiveram presentes o Vice-Presidente da Câmara Municipal do Porto, Lino Ferreira, o chefe Hélio Loureiro, Bianchi de Aguiar e Manuel Serrão..."

ler artigo completo



Jornal PÚBLICO

"Uma Estreia Auspiciosa
O lema é revelador de uma preocupação, o de conferir à marca o peso de uma herança que, como se sabe, incorpora geralmente valor e distinção. O Corga da Chã é assim apresentado como "o fruto da determinação dos nossos avós, da visão dos nossos pais e da nossa vontade em projectar a história", consideram os irmãos Gomes que este ano apostaram em lançar no mercado o Corga da Chã em duas versões varietais, o Arinto e Trajadura."

ler artigo completo



Revista de Vinhos

"Foi um jantar de amigos mas também de regozijo pelas primeiras colheitas. No restaurante Aquário Marisqueira, do Porto, os seis irmãos Tavares (e a mãe, claro) receberam inúmeros convidados para apresentar os seus vinhos.
Os agradecimentos e a apresentação da marca coube ao irmão Manuel Tavares, agrónomo de profissão e o viticultor e "faz-tudo" da quinta. Manuel Tavares disse-nos que foi o avô que comprou a quinta nos anos 40. Mais tarde, foi o seu pai o grande responsável por uma autêntica revolução na região..."

ler artigo completo



WINE Passion Magazine

"...perto de Castelo de Paiva, a caminho das minas do Pejão, numa freguesia com o sugestivo nome de Paraíso. E é um pouco isso que estes seis irmãos ali têm, à sua disposição, um verdadeiro paraíso. Onde também se produz vinho, com a particularidade das vinhas se encontrarem plantadas no meio duma mancha impressionante de floresta, entre pinheiros, eucaliptos e carvalhos. O vinho era uma tradição na família, os irmãos estavam habituados a bebê-lo e resolveram também preservá-lo. Ligeira modernização das vinhas, alguma tecnologia, um enólogo consultor que aderiu ao projecto e eis que os irmãos lançam o Corga da Chã..."

ler artigo completo